Posts Meu quintal
Post
Cancel

Meu quintal

Em botões de leveza, a aproximação se empenha à outras sutilezas, mesmo que desencontradas. Ser nesse quintal é deliciar a presença de mim mesma, a minha liberdade, livre para interpretações. é pôr a alegria no sentir, é, por competência, entregar-se ao âmago da compreensão.

Há uma muda transformadora, e ela é escorregadia nas mãos, mas, por fortuna, é firme em juízos. Não funciona de forma contínua como ansiamos. É um emaranhado de ramificações, soterradas ou não, submersas ou não.

Em outros jardins, o amor soberbo e inquietante nos evocam aos pecados mais amargos, intragáveis à quem ao menos um dia prezou pela virtude. Um desdobramento desesperador em uma alma disforme. Murá-lo seria criar uma miragem, seria mitificar uma realidade, seria arriscar o alimento da minha horta, do meu quintal livre.

This post is licensed under CC BY 4.0 by the author.